sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Dando início ao campo, por Alline Torres

Aqui disponibilizo algumas informações acerca de uma primeira exploração etnográfica junto às chamadas botánicas: espaços comerciais (e em alguns casos de consultas e trabajos) nos quais são comprados objetos “religiosos”, produtos químicos, especiarias e plantas de uso “medicinal” e “espiritual”. Elas estão embasadas no trabalho de campo que realizei por quase três meses na cidade de San Juan (Porto Rico), entre fevereiro e abril de 2010, em uma botánica, mas é produto também do convívio residencial que estabeleci com uma família de migrantes da República Dominicana, cuja figura central é a responsável por aquele estabelecimento.